Campania

A Campania é uma região do sul da Itália, com 5 700 000 habitantes e área de 13 595 quilômetros quadrados, cuja capital é Napoli. Tem limites a oeste e sudoeste com o Mar Tirreno, a noroeste com o Lazio, ao norte com Molise, a nordeste com a Puglia e a leste com a Basilicata. A Campania é a região com a mais alta densidade populacional dentre as demais regiões italianas, mas é a segunda, após a Lombardia, em número total de habitantes.

O seu clima é muito diferente nas várias partes da região: ao longo da costa do Mar Tirreno e nas ilhas, é mediterrâneo, ameno e úmido no inverno, e quente e seco no verão; enquanto no interior torna-se gradualmente chuvoso. As montanhas dos Apeninos têm um clima continental com grande variação de temperatura: mínima de 7ºC nos meses de janeiro e fevereiro, 20 a 21ºC em julho e agosto no litoral, enquanto no interior possui temperatura mínima de 2ºC no inverno e 15ºC no verão. Já as máximas variam de 13/14ºC a 30ºC  no verão, nas ilhas e ao longo da costa da Campania. Em Avellino, mais para o interior, as temperaturas são de 9°C – a máxima – e no inverno 29ºC.

As chuvas caem sobretudo nos meses de inverno e de outono, sendo mais chuvosos os meses novembro e dezembro, com pluviosidade entre 600 e 1000 mm ao longo do litoral, enquanto no interior ultrapassam 1.000 – 1.400 mm, chegando a picos de 2.000 mm em alguns lugares montanhosos de Irpinia. Os menores registros de chuva são registrados nas áreas leste (600 mm), além da bacia hidrográfica dos Apeninos na fronteira com a Puglia.

Para o cultivo de uvas viníferas, a região hoje possui um grande potencial, sendo muito conhecida pelo famoso  vinho Taurasi, que é o único DOCG da Campania, elaborado a partir da casta tinta mais emblemática da região, a Aglianico. Dois vinhos brancos também se destacam pelas suas particularidades e caráter único: Fiano di Avellino, elaborado à partir da casta Fiano, e o Greco di Tufo, vinificado com a uva Greco. Outras uvas brancas destacam-se ali: Trebbiano, Malvasia Bianca e Falanghina, esta última, uma cepa muito antiga e supostamente de origem grega, que nas terras da Campania encontrou a sua máxima expressão.

 

Produtores